Sweet magnolias

A série mais aguinha-com-açúcar que você vai (ou não) assistir esse ano.

Sweet Magnolias – Sala de Estar

Considerando que o mundo está um caos, eu confesso que eu até gosto de deixar “Sweet Magnolias” rodando ao fundo enquanto eu trabalho.

É uma série bonitinha E CRUEL.

Três amigas de uma cidade pequena dos USA (a cidade é linda e as casas são lindas!!!), passam por problemas opcionais e tolos do tipo: “A fulana fez uma festa no mesmo dia da minha festa, buá, buá”…

A parte cruel é a realidade que ela mostra. Uma sociedade completamente fechada e de mente fechada. A coitada da personagem da irmã da Britney Spears tenta de todas as formas se aproximar da personagem principal. Ela não é uma pessoa ruim! E a cidade inteira resolve que ela não merece uma chance.

A série retrata exatamente isso. O lema é: “Nos envolvemos com a nossa pequena comunidade do nosso pequeno bairro e QUASE NINGUÉM é bem-vindo”. Há exceções, claro! Mas eu senti a crueldade dessas senhoras!

Claro que eu me apego e eu PRECISO terminar de ver algo que eu começo, e lá no final do último capítulo eles deixam um gancho – fraco, nada comparado a “Dead to me” – mas eu preciso assistir a segunda temporada! Ainda sem previsão!

Eu fui buscar o livro da série quando aquele gancho me pegou de surpresa, e descobri que era, na verdade, uma série de livros e que o meu gancho não necessariamente estaria em algum deles e pode ter sido criado só para a TV.

A autora recomenda que a gente comece por “Welcome to Serenity” e os livros que contam as histórias das 3 personagens principais são separados.

Normalmente, eu me atiraria no livro, mas dessa vez, meu interesse pela série foi apenas visual (sou fútil). Deixei os livros pra lá…

Como eu disse, a série é realmente bonitinha, e eu me vendo por coisas bonitinhas. A começar pela decoração e a arquitetura que ela mostra.

O SPA

Tem até reforma! E eu fiquei louca pra ver o resultado final… achei meio nada a ver, mas não ficou de todo ruim. A adaptação da casa histórica não permitia grandes mudanças, mas eu acho que eles poderiam ter se esforçado mais (a chata)!

A casa da Maddie

A casa da Maddie é muito bonita e cheia de coisas que eu quero colocar no meu vision board

Eu falo é dessa mesa de jantar mesmo!

E da maneira como as paredes estão preenchidas por quadros e enfeites…

Até a cozinha está arrumada, mas não demais. O que é bom e condiz com a realidade de quem tem filhos pequenos!

Falando em filhos pequenos, preciso ir ensinar as minhas a fazer conta de menos…

Não sei se vale a perda de tempo, mas se vocês assistirem, me contem!

Beijos,

Shell

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *